Artes marciais para crianças: principais vantagens



Meu filho quer treinar artes marciais, será que é seguro? É violento? Quais são os benefícios da prática marcial para crianças? São tantas questões que muitas vezes acabam impedindo os pais de colocarem seus filhos para praticar uma arte marcial.

Para auxiliar, neste artigo vamos desmistificar a ideia de que as artes marciais são violentas, apresentar os principais benefícios e como escolher o melhor lugar para seu filho treinar.



O mito da violência nas artes marciais

Existe uma ideia bastante equivocada de que praticar este tipo de atividade é sinônimo de se machucar ou se lesionar. Por isso, é comum que algumas pessoas relacionem as práticas com a violência. Pelo contrário, as artes marciais possuem regras muito claras e pregam o princípio da não-violência. Desde que a arte marcial seja realizada em um local seguro e com supervisão adequada de profissionais gabaritados, ao esporte não oferece riscos.

Além disso, um dos grandes benefícios das artes marciais para crianças está na diminuição e controle da agressividade. Existem também outros benefícios, tais como:



  • Desenvolvimento físico e mental

A prática das artes marciais é um excelente meio para aprimorar a coordenação motora e flexibilidade das crianças. Além disso, artes como o Judô ou Karatê, contribuem para a evolução do condicionamento físico e aumento da resistência, melhora dos reflexos e da mobilidade das articulações e fortalecimento do sistema imunológico infantil.

É possível notar o aumento da concentração, foco, autoestima e autoconfiança dos pequenos.

  • Aprendizagem de valores

Pelo fato de estarem recheadas de conteúdos filosóficos e códigos de ética, a prática das artes marciais pode ajudar às crianças a desenvolverem valores éticos e morais por meio das experiências que ocorrem no tatame.

Elas podem contribuir para desenvolver o respeito, a disciplina, paciência, etc., desde que o treino também tenha como objetivo a formação de um sujeito preparado lidar com as adversidades.

Como escolher o local para treinar

É importante que os pais fiquem atentos a algumas sugestões antes de optar por algum lugar:

  • Verifique as competências e habilidades do professor;
  • Observe se o professor ou mestre sabe lidar com crianças;
  • Analise se o treino é lúdico e pedagógico;
  • Veja se o local incentiva a cooperação em grupo ou foca apenas em competição;
  • Constate se a estrutura do espaço é adequada para crianças.

Desde que a escolha seja feita com cuidado e atenção, a prática de artes marciais pode trazer inúmeras experiências positivas para a criança.

Para quem deseja colocar o filho para treinar um desses esportes, o Santa Mônica Clube de Campo é o lugar ideal! O Clube dispõe de modalidades como o Judô – arte marcial japonesa focada em projeções e quedas e que promove equilíbrio, força e coordenação motora; e o Karatê – arte marcial de origem japonesa que, além de defesa pessoal, possui valores como disciplina, humildade e respeito. Conheça mais!



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *