Diferença do Voto Nulo e Em Branco – Eleições 2018



Saiba aqui as principais diferenças entre votar nulo e em branco.

Com a aproximação das eleições de outubro, diversas dúvidas surgem entre os eleitores brasileiros com relação aos votos brancos e nulos. Afinal, eles são considerados válidos ou não? Para o quê realmente servem? Ou ainda, como votar nulo ou branco? Nos próximos parágrafos você conhecerá os pontos mais importantes sobre essas duas categorias. Acompanhe e boa leitura!

Voto em branco

De acordo com a definição do Glossário Eleitoral do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), é considerado voto branco aquele em que o cidadão eleitor não tem preferência em qualquer um dos candidatos. Em outras palavras, é o mesmo que dizer que ao votar em branco a pessoa está concordando com o resultado escolhido pela maioria da população.



Para votar em branco basta que o eleitor pressione a tecla Branco na urna eletrônica. O voto em branco não vai para nenhum candidato.

Voto nulo

Da mesma forma como acontece com o voto em branco, o nulo não vai para nenhum dos candidatos que concorrem às eleições. Mas conceitualmente há uma diferença entre um e outro. Ao escolher votar nulo o eleitor quer deixar claro que não concorda com as propostas apresentadas pelos candidatos. E que por esse fato decidiu anular seu voto.

Mais uma vez, segundo o Glossário do TSE, é denominado de voto nulo aquele em que o eleitor quer manifestar a vontade de anular, digitando na urna um número que não seja de nenhum dos candidatos que participam do pleito eleitoral.



Para registrar o voto nulo o eleitor deve digitar qualquer número que não corresponda ao de algum candidato que tenha sido registrado oficialmente e na sequência apertar o botão Confirma (tecla verde da urna eletrônica).

O Tribunal Superior Eleitoral não computa os votos nulos e brancos como votos válidos. Ainda assim, não é raro encontrarmos eleitores com informações erradas como, por exemplo, que esses votos seriam direcionados para o candidato A ou B. Os votos nulos não são tidos como válidos desde o ano de 1965, já os votos brancos desde 1997.

Saiba como votar nulo na urna eletrônica

Como apontamos anteriormente, para votar nulo basta apenas que o eleitor digite qualquer sequência de números que não seja de nenhum candidato ou partido. Sendo assim, o eleitor pode digitar 00 ou 99, por exemplo. Depois de escolher um número que não existe, o eleitor que deseja anular seu voto ainda deve pressionar a tecla Confirma para que o processo seja considerado válido.

É muito importante que o eleitor que queira anular seu voto fique atento, pois como ele pode escolher qualquer sequência de aleatória de números, ele poderá acabar inserindo o de algum partido ou candidato que tenha registro válido nas eleições.

Caso isso aconteça não há motivo para preocupação: a própria urna mostrará o candidato correspondente e então o eleitor deverá apertar a tecla Corrige (vermelha). Assim ele poderá repetir todo o processo normalmente.

É verdade que o voto nulo pode anular as eleições?

Não. Não há nenhum dispositivo na legislação eleitoral brasileira que aponte uma quantidade específica de votos nulos para que uma eleição seja cancelada ou ainda, que uma nova seja convocada automaticamente.

Como já foi apontado, os votos simplesmente não são considerados como válidos e por isso não podem ser contabilizados entre aqueles que foram para o candidato vencedor da disputa eleitoral.

Eleições 2018

Nas eleições de 2018 os brasileiros terão que direcionar seus votos para seis nomes: um deputado federal, um deputado estadual, um governador, dois senadores e um presidente.

O primeiro turno acontecerá no dia 7 de outubro de 2018. Segundo o TSE, o Brasil conta atualmente com 147.302.357 eleitores aptos a participarem das eleições.

Apesar de termos todas essas opções de como votar nas eleições brasileiras, é importante ressaltar que o voto tem muita importância. Além disso, ele é a melhor e a mais eficiente forma para que a democracia possa se manifestar. Todos podem e devem fazer a sua parte, afinal, esse direito foi conquistado com muito trabalho.

Por Denisson Soares

Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *