DPVAT 2018 SE – Como Pagar, Valor, Calendário de Pagamento

Categoria: Carros, Economia, Notícias 93 0

  

Confira aqui mais detalhes sobre o pagamento do DPVAT 2018 em Sergipe.

“No trânsito, somos todos pedestres”. Essa é frase utilizada como bordão de uma campanha publicitária dos anos 1990/2000 sobre acidentes envolvendo veículos. A proposta era orientar condutores de carros, motos, caminhões e outros tipos de automotores sobre o cuidado com pessoas em ruas e vias. Tal cuidado é estendido à legislação que criou o Seguro do Trânsito – Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT). Desde 1974 até os dias atuais, esse seguro obrigatório assegura às pessoas envolvidas em acidentes de trânsito recursos necessários ao tratamento e recuperação de sua saúde. O DPVAT garante também indenizações no caso de morte e invalidez.

É uma obrigação de caráter nacional, cabendo aos Estados da federação organizarem o processo de pagamento e recolhimento dos valores. Se você é proprietário de algum veículo, precisa quitar seu débitos referentes ao DPVAT para conseguir o Certificado de Registro e Licenciamento de veículos (CRLV). Este documento é um dos necessários para conduzir e sua falta pode gerar apreensão do veículo e multa administrativa para o condutor. A administração desse montante é feita pela Seguradora Lider-DPVAT e é possível realizar o pagamento pelo seu portal na internet.

Para o ano de 2018, haverá parcelamento do DPVAT para algumas categorias. Para o estado de Sergipe, os veículos usados ou novos, independente da categoria, precisam fazer o pagamento. Para gerar o boleto, é preciso ir até o site do Detran-SE. O caminho é clicar na aba Veículos e depois escolher em qual banco deseja realizar a operação. Pode ser pelo Banese ou outro banco de sua escolha. Após clicar na opção bancária de recolhimento que mais atenda às suas demandas, você precisará preencher os campos com os números do Renavam e o Código de Segurança. Renavam é o Registro Nacional de Veículos, que cumpre a mesma função do Carteira de Identidade, mas para veículos. Você pode encontrá-lo nos documentos do carro, moto ou congêneres ou pesquisar no site do Denatran do estado em que o veículo foi emplacado. Já o Código de Segurança é aquelas letras diferentes que aparecem em um quadro. Basta você digitar o que estiver vendo. Depois confirme o registro através do preenchimentos com números e letras e clique em confirmar. Será gerado o boleto para pagamento.

Outra opção é se você recebeu uma mensagem de texto em seu celular sobre o DPVAT. Caso isso tenha ocorrido com você, entre no portal da Seguradora Lider-DPVAT e clique no balão azul do lado esquerdo da tela e você será direcionado a uma página específica. Nela você precisará do número do Renavam, CPF ou CNPJ, estado de emplacamento e respectiva placa do veículo e o Código de Segurança.



Os valores do DPVAT variam de acordo com o tipo de veículo, variando entre R$ 45,72 para automóveis de passeio e táxis até R$ 185,50 para motocicletas e similares (exceto ciclomotores). Os únicos isentos são veículos de reboque e semirreboque, já que o ônus recai para proprietários dos tracionados.

O prazo para pagamento depende do final da placa do veículo. Aquelas que terminam com o número 1 e 2 possuem o vencimento mais próximo: 29/03, já aquelas que terminam com numeração 0 podem efetuar o pagamento até 30/11. A cada mês novas placas são alocadas para efetuarem o pagamento. O parcelamento começa no dia do vencimento da parcela única e perdura nos dois meses seguintes. O licenciamento vence no último dia de vencimento das parcelas ou na data da parcela única.

Então fique atento aos prazos e valores! Não deixe de pagar esse importante seguro que exerce sua função social de proteger todas as pessoas que participam do trânsito, afinal, nele somos todos pedestres.

Mateus Aparecido de Faria



Artigos Relacionados

Deixar um Comentário