Saque do FGTS Prorrogado até 2018 – Contas Inativas

Categoria: Dinheiro, FGTS, Notícias 157 0

  

Saque das Contas Inativas do FGTS foi prorrogado até 31 de dezembro de 2018 para quem comprovar que não conseguirá sacar até 31 de julho de 2017.

Por meio de um decreto assinado nesta quarta-feira, 26 de julho, o presidente Michel Temer prorrogou até o dia 31 de dezembro de 2018 o saque de recursos de contas inativas do FGTS, o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. Há um detalhe muito importante neste decreto: a possibilidade de saque até o dia 31 de dezembro 2018 está disponível apenas para aquele que, devidamente comprovado, não conseguir efetuar o saque até o dia 31 de julho de 2017, prazo de encerramento.

Vale destacar que na última terça-feira, 25 de julho, o Ministério do Trabalho divulgou uma nota informando que 98,33% do saldo total disponível para saques já haviam sido retirados pelos trabalhadores através das contas inativas do FGTS. Dessa forma, desde março até o dia 19 de julho, nada menos que R$ 42,8 bilhões foram sacados de um total de R$ 43,6 bilhões depositados em contas inativas do FGTS. O Ministério do Trabalho ainda destacou que o valor restante pode ser sacado por 5 milhões de trabalhadores.

Dentre os exemplos citados pelo Palácio do Planalto que se enquadram nesse tipo de situação, ou seja, aqueles que não irão conseguir sacar o seu dinheiro até o dia 31 de julho, estão os presos e pessoas com doenças graves. O trabalhador deverá fazer a sua justificativa juntamente a uma agência da Caixa Econômica Federal que, por sua vez, irá definir um novo calendário para efetuar o saque.

Quem possui direito?



Estarão aptos a fazer o saque do FGTS de contas inativas todo e qualquer trabalhador com carteira assinada que pediu demissão, ou até mesmo foi demitido por justa causa, até a data de 31 de dezembro de 2015.

Consulta do saldo

Consultar o saldo disponível é algo bastante simples. Tal procedimento pode ser feito através do site oficial da Caixa www.caixa.gov.br/beneficios-trabalhador/fgts/contas-inativas/Paginas/default.aspx, de forma simples e rápida. Além disso, a consulta também pode ser feita através do aplicativo da Caixa disponível para aparelhos smartphones e tablets nas versões Android, iOS e Windows. Se preferir, o trabalhador também poderá realizar a consulta através da central de atendimento por meio do telefone 0800 726 2017. Com o Cartão Cidadão em mãos, a pessoa também poderá efetuar sua consulta numa agência da Caixa.

Por Bruno Henrique

Pis-Pasep



Artigos Relacionados

Deixar um Comentário