Carnaval RJ 2018 – LIESA define Ordem dos Desfiles das Escolas de Samba

Categoria: Carnaval, Eventos, Notícias 123 0

  

Liga das Escolas de Samba do Rio de Janeiro define a ordem de apresentações para o Carnaval 2018.

A LIESA sorteou no último sábado (15) a ordem em que ocorrerá o desfile das Escolas do Grupo Especial Do Rio de Janeiro no Carnaval de 2018. Meses antes da folia, a organização do evento começa a tomar porte. A festa, que só acontecerá em fevereiro, passa a definir seus principais parâmetros de acontecimento.

A LIESA reuniu-se no anfiteatro da Cidade do Samba, juntamente com representantes das escolas, para realizar o sorteio que define os horários que cada escola desfilará neste Carnaval. Primeiramente sortearam-se os dias e posteriormente o horário. As escolas campeãs deviam, por regra, desfilar em dias separados. 13 escolas deverão desfilar, já que graças a problemas técnicos, ficou decidido que nenhuma escola seria rebaixada este ano.

No primeiro dia de desfiles, que acontecerá 11 de fevereiro do ano que vem, a primeira escola a desfilar será, segundo o sorteio, a Império Serrano, pois por regra, a escola que acaba de subir deve ser a primeira a desfilar. Logo em seguida a São Clemente fará seu desfile. Vila Isabel, Paraíso do Tuiuti, Grande Rio e Mangueira serão respectivamente as próximas a apresentarem suas alegorias. E, para fechar a noite, a sétima e última escola a entrar na avenida será a Mocidade Independente de Padre Miguel.



Já na noite de 12 de fevereiro, a ordem prevista começa com o desfile da Unidos da Tijuca aquecendo a Sapucaí, abrindo alas para Portela, União da Ilha, Salgueiro e Imperatriz, que desfilarão em seguida, tomando conta da madrugada. Fica com a Beija-Flor a missão de fechar os desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro, sendo a última a cruzar a Sapucaí, já no início da manhã.

No entanto, vale ressaltar que esta ordem não é definitiva, já que as escolas, caso entrem em acordo, podem trocar entre si os horários em que desfilarão, desde que mantenha-se no mesmo dia previsto. A prática é comum e pode provocar alterações da programação. O folião que quiser garantir seu lugar na arquibancada para ver sua escola do coração deve chegar cedo ao sambódromo, independentemente do horário de desfile das escolas.

Carolina B.



Artigos Relacionados

Deixar um Comentário