Mudanças do Fies 2018

Categoria: Educação, Notícias 65 0

  

Foram estipuladas novas regras para o Fies em contratos fechados a partir de 2018. Confira as novidades.

A partir de 2018, os estudantes que contrataram o FIES, Financiamento Estudantil, terão de pagar o valor emprestado através de desconto automático em sua folha de pagamento assim que concluírem o curso e tiverem um emprego formal. É apenas uma das alterações realizadas na última quinta-feira, dia 6, e passarão a valer para os contratos fechados a partir de 2018.

Além deste desconto direto na folha de pagamento, o MEC, Ministério da Educação também anunciou que o Financiamento Estudantil irá contar com três diferentes tipos de contratos, sendo que em um destes é previsto empréstimo a juro zero para 100 mil vagas, entretanto a família do aluno deve ter renda per capita de no máximo três salários mínimos.

No entanto, a seleção para o segundo semestre, continua com as regras antigas. Mais 75 mil novas vagas para o financiamento serão oferecidas. Na sexta-feira, dia 7, será publicado no DOU o cronograma com as datas, de acordo com o MEC.

Confira os tipos de financiamento:

FIES 1

Quem pode utilizar: Somente alunos que a renda familiar per capita não ultrapassar três salários mínimos

Juros: nesta modalidade não terá juros

Vagas: 100 mil

FIES 2

Quem pode utilizar: Estudantes que a renda per capita familiar não ultrapassar cinco salários mínimos e que irão estudar nas regiões Nordeste, Centro-Oeste e Norte

Juros: 3% com correção monetária



Vagas: 150 mil

FIES 3

Quem pode utilizar: Destinado aos alunos que possuam renda per capita familiar de no máximo cinco salários mínimos

Juros: não foi estipulado juros para esta modalidade ainda

Vagas: 60 mil

O Fies 1 agora passa a não ter taxa de juros para os alunos que possuem o perfil estipulado, sendo que atualmente a taxa é de 6,5% ao ano para todos os inscritos.

Pagamento do Novo Fies

Em busca de uma alternativa para reduzir a inadimplência, o Ministério da Educação determinou que a forma de pagamento do FIES também será mudada. A partir do próximo ano, as parcelas do financiamento irão ser descontadas diretamente na folha de pagamento do aluno, assim que terminar o curso e estiver em um trabalho registrado.

Para os que abrirem empresa, o valor será descontado automaticamente em cima do rendimento. Em ambos os casos, o valor é limitado em 10% do salário.

Por Filipe Silva

Fies



Artigos Relacionados

Deixar um Comentário